Portal de notícias do profissional de crédito.

Medo de perder a “caverna” ainda inibe Home Equity no BR

Conteúdos ExclusivosHOME EQUITY

Medo de perder a “caverna” ainda inibe Home Equity no BR

"Quem casa quer casa"; "o bom filho à casa torna". Crenças assim ainda levam brasileiro a aderir pouco a modalidade creditícia das mais promissoras 

Nem mesmo a possibilidade de se livrar de dívidas de curto prazo a juros estratosféricos tem feito o brasileiro enxergar de forma mais pragmática filosófica ou sentimental uma modalidade de operação financeira que, mesmo assim, vem crescendo, e com índices de inadimplência tão animadores quanto as próprias condições de adesão oferecidas ao mercado.

Em recente reportagem do jornal Valor Econômico, entretanto, nomes emblemáticos do setor se demonstraram otimistas com o futuro, sobretudo se a lei de garantias for aprovada, trazendo a reboque possibilidades como a utilização de um mesmo imóvel para garantir mais de uma operação em diferentes concedentes, e criar a figura dos agentes garantidores.

Contudo, o brasileiro tem mantido o freio de mão puxado na hora de colocar em jogo um bem que, sobretudo os mais jovens, já questionam até se não seria melhor alugar até o fim da vida, inclusive tendo em vista o descompasso existente entre este bem tão cobiçado e a própria finitude humana.

Usado duplamente, isto é, como teto sagrado e, ao mesmo tempo, fator para rápida reorganização das finanças em tempos conturbados como os atuais, a casa ou apartamento pode perfeitamente assumir uma segunda conotação que dificilmente nossos antepassados imaginariam, ao cunhar frases históricas sobre o caráter da ancestral "caverna" nossa de cada dia.

Raízes assim tão profundas não raro acabam deixando em segundo plano até o aspecto "lar" de uma moradia, que, felizmente, a maior parte das pessoas parece priorizar.

Elucubrações filosóficas à parte, resultados alcançados na trajetória do Home Equity nesta sua história ainda curta falam alto, face a importantes estímulos no campo regulatório, regados a redução de taxas, já que, aos poucos, bancos e fintechs vão reexaminando seus portfólios neste particular, a fim de se tornarem mais competitivos.

Segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), entre o final de 2014 e novembro de 2021, o estoque de negócios neste mercado cresceu não mais que 5,8%, ao totalizar R$ 12,680 bilhões.

No mesmo intervalo, o crédito total no sistema financeiro teve expansão nominal de 51,4%, enquanto, no ano passado, também até novembro, a alta da modalidade não passou dos 13%, em relação ao exercício anterior.

Em suma, para manter o imóvel imaculado, o brasileiro preferiu gastar uns 70% a mais, ao insistir em mergulhar menos, ou até mesmo sair de sua crise financeira, apelando para o autêntico Triângulo das Bermudas, capaz de sumir com a paz de qualquer um: cheque especial, cartão de crédito e empréstimos, 'até para negativados', diga-se de passagem.

Isto ocorre porque o chamado Home Equity ainda esbarra - além do receio do brasileiro em dizer à família que a casa vai garantir um empréstimo para melhorar o presente e, quem sabe, boa parte do futuro financeiro de todos -, em entraves como os trazidos por este monumento da burocracia conhecido como cartório de registro de imóveis.

O primeiro aspecto pode se resolver melhor ao ter casado com alguém tão bom quanto você em fazer contas, mas o segundo depende mais ainda do velho e bom hábito de planejar, o que torna aconselhável tomar tal direção quando a água ainda está no umbigo, como diria antiga campanha dos bombeiros advertindo banhistas imprudentes nas praias.

Tudo indica que seu nome poderá sair ou nem sequer entrar nas listas restritivas de crédito, como possivelmente vem acontecendo com boa parte daqueles que receberam recursos do gênero, do total de R$ 4,856 bilhões concedidos no país até novembro último, com prazo médio de 12,9 anos e inadimplência hoje na casa dos 5,2%. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://infocredi360.com.br/

No Internet Connection