Portal de notícias do profissional de crédito.

Aumento da CSLL para bancos traz insegurança ao segmento de crédito

Conteúdos ExclusivosLegislação

Aumento da CSLL para bancos traz insegurança ao segmento de crédito

Ajuste de 5% na alíquota eleva a arrecadação do setor bancário para 25%  

A semana começou agitada, com o anúncio do governo sobre o novo ajuste da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) para o setor financeiro. A Medida Provisória nº 1034 prevê o reajuste de 5% no valor do tributo para os bancos. Com isso, a alíquota passaria de 20% para 25%, caso a MP seja aprovada.

Esta é a segunda vez que o governo altera a alíquota em cerca de dois anos. Em 2019, ela passou de 15% para os atuais 20%.

O Governo Federal justificou que a medida é necessária para compensar a isenção de outros impostos sobre produtos, como o do gás de cozinha e do diesel. Também afirmou que se trata de um sacrifício necessário e temporário, com previsão de vigência de seis meses.

Ao jornal Valor Econômico, a Associação Brasileira de Bancos (ABBC) classificou a decisão como "antiquada e despropositada". Já a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) analisa que a medida pode gerar um impacto na casa dos R$ 2,1 bilhões.

Situações de reajuste nos tributos como estas trazem dificuldade ao setor financeiro, explica Michel Varon, CEO do VADU. "Os bancos devem repassar o aumento do tributo para os custos operacionais e isso pode encarecer o custo do crédito, tornando-se um empecilho para a expansão da economia".

O especialista explica as dificuldades que incidem sob o spread, que é a diferença entre o que os bancos pagam pelo que captam no mercado e o que cobram das empresas no financiamento. "Uma fatia significativa do spread é destinada à cobertura de perdas e eventuais prejuízos operacionais, como a inadimplência e despesas administrativas, e o aumento do imposto trará consequências aos custos do crédito", disse Varon.

A medida é temerária para o setor, que vem se recuperando timidamente em meio à pandemia. Embora seja temporária, não há como descartar que o aumento dos custos do crédito, principalmente neste momento de fragilidade causada pela crise mundial, traga insegurança para o segmento. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://infocredi360.com.br/

No Internet Connection