Portal de notícias do profissional de crédito.

A importância do collection score na concessão do crédito

ColunasCONCESSÃO DE CRÉDITO

A importância do collection score na concessão do crédito

Concessão de crédito não é tema fácil, e tampouco a correta adequação aos "C´s" do crédito 

Em momento de empresas fechadas e comércio com enormes dificuldades financeiras, é extremamente importante que tenhamos a visão mais correta possível da nossa carteira, conhecendo amplamente o cliente, seu nicho de atuação e as condições pelas quais este mercado está (ou não) sendo impactado pela pandemia.

Vejamos outras análises que parecem similares:

1. Credit score: com informações obtidas nos órgãos de crédito, a ferramenta busca analisar a possibilidade de determinada pessoa não pagar uma obrigação. É uma pontuação usada normalmente para a abertura de novos cadastros cedente/sacado, mas não se limitando.

2. Behavior score: infelizmente pouco usado pelo setor, é o chamado score comportamental, ou seja, como determinada pessoa já atuou no passado recente sob o ponto de vista de crédito. Como não é usado, ainda temos cadastros abertos para cedentes com "laranjas" no quadro societário, sócios que já usaram outras tantas empresas para sonegação e fraudes. Mas ainda assim o setor, cego sob o ponto de vista do "risco sacado", não consegue inserir o comportamento dentre os principais elementos na concessão de crédito.

Já o collection score deve ser aplicado sobre a probabilidade de inadimplemento de uma dívida já constituída, esteja ela vencida ou não (?).

Noutras palavras, qual a probabilidade de determinado sacado (e seu cedente) pagar a obrigação.

Exemplos simples:

1. Extrajudicial: carteira em pleno andamento, com baixíssima inadimplência, mas o setor é de confecção, ou seja, um setor (como tantos outros), absolutamente prejudicado pela pandemia.

2. Judicial: a capacidade de pagamento na esfera judicial, ou mesmo antes, em receber. Questões como a inadimplência fraudulenta, grande número de demandas e mesmo a ausência de patrimônio devem ser levadas em conta para que não tenhamos uma (mais uma) execução frustrada.

O collection score serve, então, para antever a inadimplência e, ao contrário de aumentarmos limites operacionais, possamos reduzi-los, evitando assim a perda maior.

Manter os limites aprovados tecnicamente, e não apenas com os olhos no binômio taxa x liquidez aparente, é uma receita para combater a inadimplência.

Ou seja, não adianta acelerar o carro numa reta, sem saber qual a dificuldade da curva que, inevitavelmente, nos aguarda. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://infocredi360.com.br/

No Internet Connection